AMCEL

AMCEL

A AMCEL é uma empresa brasileira que desenvolve um manejo florestal sustentável, cujo objetivo é reflorestar, processar e exportar cavacos de eucalipto produzidos nos mais exigentes padrões de qualidade, para suprir de matéria-prima a indústria de celulose, papel e produtos de madeira. O controle acionário da Amcel é exercido pelos grupos japoneses Marubeni Corporation, Nippon Paper Industries e NYK-Nippon Yusen Kaisha, todos com presença global e vasta experiência na área florestal e utilização de fibras vegetais. Com cerca de 130 mil hectares disponíveis para o plantio de florestas renováveis de eucalipto somados à 180 mil hectares de reservas nativas, o projeto florestal abrange sete municípios do estado do Amapá: Santana, Macapá, Porto Grande, Ferreira Gomes, Itaubal do Piririm, Tartarugalzinho e Amapá, alvos de constantes investimentos socioambientais que refletem o compromisso da empresa com o desenvolvimento sustentável da região onde atua. Para a AMCEL, proteger toda a complexidade da natureza vai além de respeitar a legislação e órgãos ambientais. Proteger é um compromisso constante. A Nutri&Service Alimentos tem orgulho de participar desse projeto.

Governo do Estado do Amapá

Desde o início deste ano, a Secretaria de Estado da Saúde tem apostado na melhoria destes serviços

A melhoria na qualidade das refeições fornecidas para os hospitais da rede pública estadual é assunto que, atualmente, recebe atenção especial do governo do Estado. Desde o início deste ano, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) tem apostado na melhoria destes serviços.

Por esse motivo, o cardápio do paciente passa pela elaboração de profissionais especializados e as empresas contratadas para produção alimentar passam por critérios de exigências, que incluem além da qualidade nutricional e o padrão de higiene, a capacidade técnica e operacional que uma cozinha industrial deve ter.

O Hospital da Criança e do Adolescente (HCA) e o Hospital Estadual de Laranjal do Jari, hoje, buscam a excelência na qualidade deste serviço. Desde março deste ano, que os dois hospitais são atendidos por uma nova empresa que fornece, atualmente, cerca de mil refeições diárias, incluindo desjejum, lanche, almoço, lanche, jantar, ceia e pernoite.

A alimentação passa por rigoroso controle da equipe de nutricionistas do HCA e de um nutricionista da empresa responsável pelo fornecimento das refeições.

Exigências

A diretora do HCA, Olinda Consuelo, reforçou que entre as exigências do hospital está a pontualidade na entrega das refeições, higiene na manipulação dos alimentos, qualidade desse alimento e, principalmente, o cumprimento da determinação da dieta de cada paciente, prescrita pelo médico e acompanhada por um nutricionista.

Hoje, as refeições fornecidas são produzidas por empresas que possuem uma cozinha industrial, que garante operacionalização com a manipulação do alimento e a devida higienização. A administradora Lúcia Correa, representante da empresa fornecedora, explicou que o processo de produção do alimento hospitalar envolve cerca de 80 profissionais (nutricionistas, técnicos em nutrição, cozinheiros, auxiliares, padeiros e açougueiros).

Segundo a administradora, a estrutura física, aliada a capacidade técnica da empresa, foi essencial para credenciá-la e atender emergencialmente os dois hospitais.

“Hoje, temos condições de fornecer até 10 mil refeições por dia. O cardápio da refeição que vai para os hospitais é determinado pelo Serviço de Nutrição Dietética (SND), em conformidade com os nutricionistas da empresa.

A diretora Olinda Consuelo ressaltou que nos últimos dois meses, a qualidade do serviço melhorou significativamente. “Antes recebíamos muitas reclamações contra a alimentação servida no Hospital da Criança e do Adolescente. A realidade hoje é bem diferente. A cada dia, nosso empenho é maior para melhorar o padrão de qualidade das refeições servidas aos nossos pacientes”, observou.

O diretor do Hospital Estadual de Laranjal do Jari, o médico sanitarista José Manoel Picanço, comunga da mesma opinião da diretora Olinda Consuelo. Para ele, houve uma mudança significativa no conceito da alimentação servida a pacientes, acompanhantes e plantonistas.

Atualmente, são servidas em média quatro mil refeições por mês para o Hospital, cujo cardápio é elaborado pelo Serviço de Nutrição. As refeições são produzidas na cozinha central e transportadas em caixas térmicas para a referida unidade hospitalar.

Nutri & Service - Rodovia Ap 20 - Km 9, nº1870 entre linha 'B' e 'C', Marabaixo II Macapá - AP
Desenvolvido por: Kolt Comunicação e Publick Macapá | © 2012 Nutri&Service Alimentos
-->